Glória-BA: Embasa não convence vereadores e internautas em Audiência Pública do Esgoto

A Embasa-Empresa Baiana de Água e Saneamento e Recursos Hídricos participou de Audiência Pública na Câmara Municipal de Vereadores da cidade de Glória Bahia terça-feira 05 de outubro de 2021, e parece que não convenceu os Edis, nem tão pouco os internautas que participaram fazendo perguntas.

Os prepostos da Embasa utilizaram a “Tribuna da Casa” com explicações técnicas que na prática não condiz com a verdade. São vários focos de esgotos caindo no rio. Um ponto crítico registrado rapidamente pela reportagem do site, mostra claramente dois esgotos que desabam no rio.

*O primeiro registrado é o da Igreja Santo Antônio (registro foi feito por fora, ao lado onde os carros pipas abastecem para levar água para o homem do campo. O esgoto passa por dentro das dependências da Igreja.

*O segundo ponto foi próximo da Chácara Santo Antônio…

*O terceiro fica próximo a entrada do Balneário Encanto das Águas.

*O quarto ponto fica no Povoado Quixaba, entre outros

Após ouvir a informação de como entrar em contato com a Embasa através das plataformas digitais, linhas de WhatsApp, 0800, site, entre outros… O vereador Carlinhos do Brejo levantou um ponto que merece ser considerado, “é preciso ter um Pronto Atendimento da Embasa na Sede do Município, para o povo da Sede e Área Rural serem atendidos presencialmente”.

Já o vereador e presidente Missão de Dotor, “quero que seja feita uma visita nas ruas que foram realizadas os entroncamentos de redes, mostrar em loco aos moradores, e realizar a análise da água do esgoto que é despejada de volta ao Rio São Francisco”. 

A Mesa Diretora da Câmara Municipal vai enviar um ofício solicitando a Embasa os pontos que foram levantados na reunião da Audiência Pública.

É fato que a Embasa através de seus representantes se mostraram muito prestativos, no entanto, o município ainda não assinou o seu convênio de parceria com a empresa. Em dois anos a Embasa lucrou quase quatrocentos milhões de reais.

Na sexta-feira 02 de outubro de 2021, uma comissão realizou visita técnica nas dependências da Central de Tratamento do Esgoto do município. Estiveram presentes a Comissão da Câmara de Vereadores, Secretaria de Meio Ambiente, Vigilância Sanitária e prepostos da Embasa.

Um fato que chamou a atenção foi que não havia necessidade da Embasa ter participado da visita juntamente com os órgãos fiscalizadores acima citados. Outro questionamento foi que nenhuma das três participantes emitiram um relatório da visita.

Por Francisco Sales de Souza-DRT/RP-8722-BA.